13 fevereiro 2017

Terremoto atinge as Filipinas e deixa pelo menos seis mortos e 126 feridos

Extra

Um terremoto de grau 6,7 na escala Richter atingiu o sul das Filipinas nesta sexta-feira, deixando pelo menos seis pessoas mortas e 126 feridas. O tremor chegou a 11 cidades e arruinou prédios, estradas, pontes e uma pista do aeroporto na província de Surigao del Norte, na ilha de Mindanao, forçando centenas de pessoas a deixarem suas casas. As informações são do portal britânico “Daily Mail”.


O tremou chegou a 11 cidades e arruiunou prédios, estradas, pontes e uma pista do aeroporto na província de Surigao del Norte
O tremou chegou a 11 cidades e arruinou prédios, estradas, pontes e uma pista do aeroporto na província de Surigao del Norte Foto: AP

O epicentro do terremoto foi identificado a cerca de oito quilômetros a noroeste da capital provincial de Surigao, a uma profundidade relativamente baixa — de 6 milhas —, de acordo com um representante do Instituto Filipino de Sismologia e Vulcanologia.

Posteriormente ao maior tremor, o fenômeno teve mais 100 repetições. Os centros de evacuação acomodaram residentes, e funcionários continuam a avaliar os danos em Surigao e nas cidades distantes.

“Pelo menos seis pessoas morreram depois de serem atingidas em construções e muros de concreto”, disse Gilbert Gonzales, funcionário da província de resposta a desastres.

O terremoto teve mais força em Surigao. A intensidade levou ao fechamento do aeroporto doméstico devido a fissuras profundas na pista, de acordo com autoridades. O aeroporto deve ficar fechado até o dia 10 de março para reparos.

Diversos edifícios, incluindo uma faculdade estadual, um hotel e um shopping center, foram danificados na cidade, localizada a cerca de 430 milhas a sudeste de Manila.

Surigao foi colocado sob um estado de calamidade para permitir a liberação mais rápida de fundos de emergência. No centro da cidade, as fachadas de vários edifícios apresentam rachaduras, janelas de vidro estilhaçadas e detritos sobre os carros das ruas.

O último grande terremoto que atingiu Surigao, uma região pobre que também lidava com uma insurgência comunista, foi em 1879. Outro terremoto, de magnitude 7,7, matou quase 2.000 pessoas na ilha de Luzon, no norte das Filipinas, em 1990.



Postar um comentário