16 janeiro 2017

Começa o racionamento de água no Distrito Federal

De acordo com o cronograma, os cortes começam pelas regiões de Ceilândia, Recanto das Emas e Riacho Fundo II. Confira o cronograma das regiões que serão atingidas no primeiro racionamento da história do Distrito Federal


Congresso em Foco

O Distrito Federal enfrenta, a partir desta segunda-feira (16), racionamento de água pela primeira vez em sua história. Os cortes começam pelas regiões de Ceilândia, Recanto das Emas e Riacho Fundo II. A Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb) fará um rodízio na interrupção do fornecimento de água nas áreas abastecidas pelo reservatório do Descoberto, um dos dois que abastecem o DF. O nível desse reservatório chegou a 18,94% de sua capacidade máxima.


Tony Winston/Agência Brasília
Com nível atual de 18,94%, Barragem do Descoberto é o maior reservatório de água para abastecimento do Distrito Federal. Cortes vão atingir 1,8 milhão de pessoas | Tony Winston/Agência Brasília

De forma gradual, o abastecimento será retomado na terça (17) e na quarta-feira (18). Entre quinta e sábado, o fornecimento será normal. As regiões abastecidas pelo Descoberto e que devem sofrer com o corte são: Ceilândia, Taguatinga, Vicente Pires, Águas Claras, Samambaia, Riacho Fundo, Recanto das Emas, Gama, Santa Maria, Núcleo Bandeirante, Park Way, Guará e Candangolândia. Ao todo, cerca de 1,8 milhão de pessoas serão atingidas pelos cortes.

Segundo a Caesb, o calendário dos cortes terá um ciclo de seis dias: um com interrupção completa, dois de estabilização e três de fornecimento normal. O corte volta no sétimo dia.

O racionamento não atinge, neste primeiro momento, os moradores do Plano Piloto e outras regiões abastecidas pelo reservatório de Santa Maria, que está com 41,22% de sua capacidade máxima. Essas localidades também serão atingidas a partir do próximo dia 30, quando a pressão dos canos será reduzida.

Confira o cronograma dos cortes de água no DF:

Primeiro ciclo do rodízio no fornecimento de água

16 de janeiro (segunda-feira)

Interrupção: Ceilândia Oeste, Recanto das Emas e Riacho Fundo II

17 de janeiro (terça-feira)

Interrupção: Vicente Pires, Colônia Agrícola Samambaia, Vila São José, Jóquei, Santa Maria, DVO, Sítio do Gama, Polo JK e Residencial Santa Maria

18 de janeiro (quarta-feira)

Interrupção: Gama

19 de janeiro (quinta-feira)

Interrupção: Águas Claras (zona baixa), Park Way, Núcleo Bandeirante, C.A. IAPI, Candangolândia, Setor de Postos e Motéis e Metropolitana, Vila Cauhy, Vargem Bonita, Ceilândia Leste e Samambaia

20 de janeiro (sexta-feira)

Interrupção: Guará I e II, Polo de Modas, CABS, Lúcio Costa, SQB, CAAC, Taguatinga Sul, Arniqueiras, Areal e Riacho Fundo I

21 de janeiro (sábado)

Interrupção: Águas Claras (zona alta), Concessionárias e Taguatinga Norte

22 de janeiro (domingo)

Interrupção: Ceilândia Oeste, Recanto das Emas e Riacho Fundo II


Postar um comentário