18 abril 2015

GE e Casa dos Ventos juntas para ampliar produção de energia eólica

Portal Tratamento de Água


Em resposta à expansão da energia eólica no Brasil e à importância da fonte de geração para a diversificação da matriz elétrica nacional, a GE anuncia a construção de dois centros de serviços focados na operação e manutenção de aerogeradores, com geração de cerca de 100 novos postos de trabalho. Os centros de apoio contarão com técnicos e engenheiros da GE dentro de complexos eólicos operados pela Casa dos Ventos e outros clientes na Chapada do Araripe (PI e PE) e em Garanhuns (PE), o que permitirá às empresas estreitar seu relacionamento e tornar o atendimento a demandas programadas e não-programadas muito mais ágil e localizado.



Atualmente, GE e Casa dos Ventos possuem três empreendimentos eólicos em construção. Um deles é o complexo Tianguá, no Ceará, que conta com 77 aerogeradores GE 1.6-100, com início de entrega ainda no segundo semestre de 2015. Já os outros dois empreendimentos estão em andamento na região de Garanhuns, em Pernambuco, que receberá 233 aerogeradores GE 1.7-100, sendo 107 para o complexo Santa Brígida, em fase de montagem, e o restante (126), para o Complexo São Clemente. Ao todo, cerca de 530 MW de energia serão gerados pelos três projetos, quantidade suficiente para abastecer, aproximadamente, a demanda de 500 mil residências.

“Com a energia eólica ocupando uma posição cada vez mais relevante na matriz energética brasileira e com a expansão da Casa dos Ventos no setor, contar com o apoio contínuo da GE é encorajador. Essa parceria reforça o nosso comprometimento em contribuir para uma matriz energética mais renovável”, comenta Virna Araripe, diretora da Casa dos Ventos. Atualmente, a empresa possui projetos no Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba, Bahia e Piauí, somando aproximadamente 4.8 GW em potência acumulada em implantação ou operação.

Para a GE, a abertura dos novos centros de apoio aumentará a agilidade e flexibilidade do serviço prestado pela companhia ao cliente. “A extensão do nosso braço de serviços em colaboração com a Casa dos Ventos reforça a confiança de ambas as empresas na expansão da energia eólica no Brasil de modo contínuo e sustentado”, diz Jean-Claude Robert, gerente geral da divisão de energias renováveis da GE para a América Latina. “A Casa dos Ventos é reconhecida pela qualidade no desenvolvimento de seus projetos e nosso trabalho conjunto visa manter o mesmo nível de qualidade, tornando-a, inclusive, nosso principal cliente em energia eólica no mercado latino-americano”, revela.

Com recentes investimentos em unidades de apoio a Operação e Manutenção, hoje a GE já conta com dois centros de serviços próprios em operação, sendo o primeiro na Bahia e o segundo no Rio Grande do Norte, empregando cerca de 50 funcionários cada. Atualmente, mais de 900 turbinas GE estão em operação ou instalação no Brasil. “Pelo êxito de nossas operações no país, estamos prontos para apoiar a Casa dos Ventos em qualquer projeto da empresa, em todos os estados onde atua. A Casa dos Ventos possui excelência no diagnóstico dos ventos e os equipamentos da GE possuem a eficiência desejada para produção de energia eólica”, antecipa o líder da GE.

Encontro em São Paulo

A consolidação do trabalho conjunto entre as duas empresas foi reforçada em encontro nesta tarde, 25 de março. Na sede da Casa dos Ventos, em São Paulo, o presidente da companhia, Mario Araripe, recebeu o presidente e CEO global da GE, Jeff Immelt, para o detalhamento de projetos e uma breve apresentação sobre o cenário das energias renováveis no país.

“Atualmente a energia eólica responde por 4,6% da matriz nacional, tendo registrado 6,2 GW de capacidade instalada em março de 2015”, descreve Virna Araripe, apresentando dados da ABEEólica, entidade que representa o setor e que estima um salto para 16,4 GW de capacidade instalada até 2019.

A percepção dos líderes da GE é a de que a parceria encaixa-se dentro do quadro de investimentos de longo prazo que a companhia desenvolve no Brasil. “A construção dos centros de operação e manutenção de turbinas reforça o compromisso de GE e da Casa dos Ventos na expansão e fortalecimento da indústria eólica nacional”, complementa Jean-Claude Robert.

Sobre a GE

A GE combina os universos físico e digital de uma maneira singular. Ela se dedica a imaginar coisas que outros não conseguem, a construir soluções que outros não podem e a criar inovações para fazer o mundo funcionar melhor. Em seus laboratórios, em suas fábricas e junto de seus clientes, a GE está inventando a próxima era industrial para construir, mover, gerar energia e trazer mais saúde para o mundo. Para mais informações, visite nosso site, Facebook, LinkedIn, Twitter, YouTube, blog GE Reports Brasil e nosso canal com os jornalistas GE Imprensa Brasil.

Sobre a Casa dos Ventos

A Casa dos Ventos é uma das pioneiras e maiores investidoras no desenvolvimento de projetos eólicos no Brasil. Há oito anos no mercado, a empresa é responsável pelo maior número de projetos que venderam energia nos leilões e no ambiente de contratação livre. Além de ter desenvolvido aproximadamente 30% de todos os empreendimentos em implantação ou operação no país, a empresa é detentora do maior portfólio de projetos eólicos do Brasil. A sede da companhia é na cidade de São Paulo e seus projetos eólicos estão localizados no Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba, Bahia e Piauí.



Postar um comentário